Exame citológico realizado nos seguintes materiais: urina, líquidos ascítico, pleural ou pericárdico, secreção mamária, escarro, lavado brônquico e broncoalveolar, raspado uretral, raspado ou escovado de pênis, glande e prepúcio, raspado de vulva e raspado de outras áreas ou lesões de pele ou mucosas.

1. Orientações necessárias

Exame citológico realizado nos seguintes materiais: urina, líquidos ascítico, pleural ou pericárdico, secreção mamária, escarro, lavado brônquico e broncoalveolar, raspado uretral, raspado ou escovado de pênis, glande e prepúcio, raspado de vulva e raspado de outras áreas ou lesões de pele ou mucosas.

1.1. Lavado brônquico e bronco-alveolar

Material enviado ou colhido no laboratório.

Em caso de coleta no laboratório:

  • Não é realizado em crianças, devido à possibilidade de ocasionar asfixia.
  • Para a coleta desse material é necessário jejum de 4 horas, para evitar vômito.

1.2. Líquido ascítico, pleural e pericárdico

Material enviado ou colhido no laboratório.

1.3. Urina

  • Não colher a 1ª urina da manhã
  • Estar no mínimo há 2 horas e no máximo há 3 horas sem urinar
  • Colher a urina após deambulação (movimentação normal; ato de andar). Um tempo razoável seria entre 20 e 30 minutos. Caso o cliente tenha caminhado e se sentado após, não há necessidade de caminhar novamente.
  • Nas 24 horas que antecedem o exame, evitar comer frutas, verduras e leite em excesso.
  • Nos 7 dias que antecedem o exame, NÃO realizar exames radiológicos do trato urinário com uso de contraste.

Orientação para clientes do sexo feminino:

Idealmente, não fazer a coleta de urina durante o período menstrual

Orientação para clientes pediátricos (crianças):

A coleta deve ser realizada após movimentação leve / moderada da criança, como por exemplo, brincar de "cavalinho", correr ou pular sem exageros ou esforço demasiado por 5 ou 10 minutos.

1.4. Secreção mamária

Material enviado ou colhido no laboratório

  • Não fazer expressão (apertar) o mamilo 48 horas antes do exame.
  • Não usar medicação tópica nas mamas nas 48 horas que antecedem o exame.

2. Escarro

IMPORTANTE: As coletas devem ser feitas em casa, antes do café da manhã, após realizar higiene oral (escovação com creme dental e enxágue rigoroso com água), de preferência na parte da manhã.

Em casos excepcionais, poderá ser colhido no laboratório

3. Raspado uretral

Material enviado ou colhido no laboratório.

A audiometria tonal é utilizada na detecção dos limites auditivos. Para testar utiliza-se um fone de ouvido sendo emitidos tons puros nas freqüências de 250, 500, 1000, 2000, 3000, 4000, 6000 e 8000 Hz, e cada freqüência é testada separadamente com intensidades decrescentes de 120 a –5 dB . O paciente deve sinalizar com a mão ou apertar um botão cada vez que ouvir o tom.

1. Orientações necessárias

I- Critério de realização

Realizado em adultos e crianças acima de 8 anos. Abaixo dessa idade, agendar audiometria infantil.

II- Interferentes

Obstrução do ouvido por cera impede a realização do exame. A cera poderá ser removida no laboratório somente em situações excepcionais, à critério do médico do setor.

A audiometria vocal visa avaliar a capacidade do indivíduo em perceber e compreender os sons da fala. Ao invés de tons puros o examinador fala algumas palavras e pede para o paciente repetir.

1. Orientações necessárias

I- Critério de realização

Realizado em adultos e crianças acima de 8 anos. Abaixo dessa idade, agendar audiometria infantil.

II- Interferentes

Obstrução do ouvido por cera impede a realização do exame. A cera poderá ser removida no laboratório somente em situações excepcionais, à critério do médico do setor.

Procedimento que pode ser realizado em qualquer região do corpo para retirada de material para análise e diagnóstico de doença.

1. Orientações necessárias

O exame pode ser realizado nos seguintes materiais:

Fragmentos de tecido, biópsias ou peças cirúrgicas pequenas, retirados por médico e enviados fixados em formol a 10% (de preferência formol tamponado e em recipiente de boca larga) ou em saco plástico apropriado, identificados com o nome do paciente.

Trazer a receita/solicitação médica e as informações clínicas pertinentes, necessárias para a interpretação dos casos.

A colposcopia é um exame visual especializado do colo uterino, da vagina, e da vulva (parte externa da vagina. Este exame requer um instrumento chamado colposcópio que se assemelha a um par de binóculos montado sobre uma base.

Este exame deve ser agendado com antecedência.

1. Orientações necessárias

I- Critérios de realização

  • Exame realizado somente com pedido médico
  • Exame realizado preferencialmente fora do período de sangramento menstrual
  • Pode ser realizado em gestantes
  • Entregar autorização de Procedimento Invasivo

CLIENTES MENORES DE 18 ANOS DEVERÃO VIR ACOMPANHADAS DE UM ADULTO RESPONSÁVEL.

II- Tempo de duração:

A parte médica do exame dura em torno de 10 minutos

III- Observações

Poderá haver indicação de realização de biópsia do colo ou vagina, caso seja identificada alguma alteração durante o exame. Por determinação dos órgãos de Saúde Pública, as biópsias só podem ser realizadas após a assinatura do informe de consentimento, necessariamente antes da realização da colposcopia. O material da biópsia será encaminhado para exame anatomopatológico.

No caso de Plano de Saúde, caso sejam realizadas biópsias, será necessário um pedido médico com a solicitação de biópsia e anatomopatológico.

Caso o exame seja feito particular, estar ciente do acréscimo do valor do procedimento biópsia e do exame anatomopatológico.

IV- Cuidados após o exame:

Manter pausa sexual e evitar esforços físicos intensos por 48 horas, caso tenha sido realizada biópsia.

A densitometria é um importante exame que mede a osteoporose, que é uma doença caracterizada pela diminuição da densidade óssea, ou seja, o osso torna-se mais fino e poroso. Essa alteração enfraquece-o tornando-o mais suscetível a fraturas após algum traumatismo ou espontaneamente.

Avalia a atividade elétrica do coração, identificando o ritmo, a freqüência cardíaca, possíveis sobrecargas, alterações na nutrição do coração (isquemia) e outras várias informações complementares.

Este exame deve ser agendado com antecedência.

Anotar medicamento(s) do(s) último(s): 5 dia(s).

1. Orientações necessárias

I- Preparo:

Adultos: não há preparo. Vir com roupas confortáveis, que possam ser abertas na região do tórax.

Crianças com menos de 4 anos: vir em jejum de 3 horas, pois às vezes (raramente) há necessidade de sedação.

II- Após o exame:

Evitar luz solar na pele do tórax pelo período de 48 horas.

É realizado um eletrocardiograma durante 24 horas, onde o paciente fica com os eletrodos durante ligados em um aparelho preso ao corpo. Deve-se anotar as atividades que realizar, os sintomas que apresentar, colocando seus respectivos horários numa ficha que é entregue na colocação do aparelho. Permite identificar muitas arritmias não visualizadas no eletrocardiograma normal, bem como relacionar a arritmia aos sintomas que o paciente apresenta.

Este exame deve ser agendado com antecedência.

Anotar medicamento(s) do(s) último(s): 5 dia(s).

1. Orientações necessárias

I- Preparo:

NÃO suspender os medicamentos em uso.

24h antes: NÃO utilizar cremes, pomadas, bronzeadores ou substância oleosa sobre a pele do tórax.

No dia do exame:

  • Fazer a higiene pessoal (banho) o mais próximo possível do horário da colocação do gravador, pois durante a realização do exame não será possível a higiene corporal completa.
  • Vir com blusa aberta na frente e com cinto.
  • Trazer o pedido médico.

ATENÇÃO: Deverá retornar no dia seguinte por volta do mesmo horário, para retirar o aparelho.

Após o exame:

Evitar luz solar na pele do tórax pelo período de 1 SEMANA. Em caso de necessidade absoluta de exposição à luz, utilizar protetor solar com fator superior a 30.

II- Interferentes:

Não poderá ser realizado na presença de queimaduras na pele do tórax, especialmente as causadas por exposição ao sol, além de alergia importante a álcool, éter ou esparadrapo.

ATENÇÃO: Na realização do exame em crianças, torna-se imprescindível a participação dos pais para a obtenção de qualidade adequada dos registros do eletrocardiograma, evitando o manuseio do equipamento e acessórios (apertar botões, tracionar fios etc.), além de atividades esportivas intensas ou coletivas.

Trazer resultados anteriores

Fornece informações objetivas sobre a integridade funcional do ouvido médio.

Este exame deve ser agendado com antecedência.

1. Orientações necessárias

I- Critérios de realização

  • Exame realizado somente com pedido médico.
  • Realizado em adultos e crianças.
  • Clientes menores de 18 anos deverão vir acompanhados de um adulto responsável.
  • Preferencialmente, não deve estar com dor no ouvido.

II- Interferentes

Supuração no ouvido, perfuração do tímpano e obstrução do ouvido por cera impedem a realização do exame. Para pacientes acima de 8 anos, a cera poderá ser removida no laboratório somente em casos excepcionais, a critério do médico do setor. Para pacientes com idade inferior a 8 anos a cera não poderá ser removida no laboratório.

Indicações:
É uma avaliação endoscópica com fibra ótica flexível das cavidades nasais, faringe e laringe. O exame permite uma observação direta e detalhada da anatomia dessas regiões , para investigação de patologias nasais , faríngeas e laríngeas.

Instruções/Preparo:
Não é necessário jejum, e se o paciente for maior de 18 anos, não necessita de acompanhante. Menores de 18 anos devem comparecer acompanhados de um adulto. Medicações de uso continuo não devem ser interrompidas.

O exame é feito após aplicação de spray nasal com vasoconstritor nasal e anestésico tópico, desde que o paciente não apresente alergias ou contra-indicações a estas medicações.

A duração do exame é de aproximadamente 5 minutos, e logo após o término do mesmo, o paciente já estará liberado para ir embora, podendo dirigir ou usar meios de transporte.

A mamografia digital se assemelha a convencional por usar raios X na produção das imagens, porém o sistema é equipado com receptor digital, a imagem mamográfica é capturada por um detector eletrônico especial de raios X o qual converte a imagem numa foto digital e pode ser revisado no monitor do computador. Os procedimentos são os mesmos e são mais rápidos e a paciente recebe menor dose de raios X com maior qualidade diagnóstica, com menor número de repetições de exposições durante um exame. Esta tecnologia permite que o resultado e as imagens sejam enviadas via Internet para qualquer parte do mundo.

A qualidade superior da imagem permite a detecção mais precoce do câncer de mama, com redução da exposição à radiação. Além disso, possibilita o armazenamento eletrônico das imagens para futuras análises.

Indicações:
É uma avaliação endoscópica com fibra ótica flexível das cavidades nasais, faringe e laringe. O exame permite uma observação direta e detalhada da anatomia dessas regiões , para investigação de patologias nasais , faríngeas e laríngeas.

Instruções/Preparo:
Não é necessário jejum, e se o paciente for maior de 18 anos, não necessita de acompanhante. Menores de 18 anos devem comparecer acompanhados de um adulto. Medicações de uso continuo não devem ser interrompidas.

O exame é feito após aplicação de spray nasal com vasoconstritor nasal e anestésico tópico, desde que o paciente não apresente alergias ou contra-indicações a estas medicações.

A duração do exame é de aproximadamente 5 minutos, e logo após o término do mesmo, o paciente já estará liberado para ir embora, podendo dirigir ou usar meios de transporte.

O exame ginecológico é um dos mais importantes exames para a saúde da mulher. O exame é simples e é constituído do exame das mamas e depois o exame ginecológico. Este é constituído pelo exame externo da vulva e depois a colocação de um especulo para visualizar a vagina e o colo do útero. Também consiste no exame de toque para examinar os órgãos internos da pélvis feminina.

Traz ainda mais precisão ao exame, além de permitir que seja realizado de maneira mais moderna e segura, pois reduz a exposição do paciente a radiação. A imagem do raio-x digital é captada através de um sensor e transferida para a tela do computador, com visualização imediata da área radiografada.

Tem como objetivo detectar problemas auditivos em recém-nascidos. Esse exame consiste na colocação de um fone acoplado a um computador na orelha do bebê, que emite sons de fraca intensidade e recolhe as respostas que a orelha interna do bebê produz.

Exame com 30 anos de existência, usado para detectar doenças raras e perigosas como a fenilcetonúria (causa problemas no metabolismo do cérebro) e o hipotireoidismo (provoca alterações hormonais), o Teste do Pezinho deve ser feito até 7 dias após o nascimento do bebê.

O aparelho possibilita a realização de um exame de imagens para avaliar todos os segmentos do corpo.

Jejum: Para todas as idades, jejum mínimo necessário de 4 horas.

1. Orientações necessárias

I- Critérios de realização

EXAME REALIZADO SOMENTE COM PEDIDO MÉDICO.

  • Se necessário, poderá ser realizado o procedimento de anestesia e/ou contraste;
  • É necessário agendar a Anestesia quando cliente menor de 5 anos ou maior dessa idade com dificuldades de colaborar (ex.: claustrofobia).
  • Clientes menores de 18 anos deverão vir acompanhados de um responsável legal.

II - Contra-indicação

Exame normalmente não indicado para gestantes, salvo em situações nas quais ele seja absolutamente necessário. Neste caso, entrar em contato com o laboratório para verificar a possibilidade de realizá-lo.

Clientes do sexo feminino que estejam amamentando: entrar em contato com o laboratório para verificar o procedimento necessário.

III- Observações:

  • Trazer resultados anteriores
  • Limite de peso para realização do exame 170 Quilograma(s)

Quem procura um exame de ultrassom no Centro Clínico Peruíbe encontra um equipamento de alta tecnologia digital: o Ultra-Som Doppler Colorido 3 D. Este aparelho permite uma perfeita resolução de imagem, trazendo mais qualidade e precisão ao diagnóstico.

CALENDÁRIOS SBIm

Um conjunto de orientações específicas para cada faixa etária e também visando à saúde do trabalhador exposto a riscos.
Os calendários contemplam também as vacinas disponibilizadas pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI)

Prematuros
Crianças
Adolescentes
Homens
Mulheres
Idosos
Ocupacional

VACINAÇÃO DA MULHER

A vacinação é o procedimento que possibilita maior impacto na redução de doenças e óbitos, portanto, ela deve ser inserida no contexto da Ginecologia e Obstetrícia (GO) sob o mesmo prisma da assistência global. Conheça o Concenso SBIm-FEBRASGO Vacinação da Mulher.
Saiba mais aqui.

CALENDÁRIO BÁSICO DE VACINAÇÃO (PNI)

O Calendário de Básico Vacinação brasileiro é aquele definido pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI) e corresponde ao conjunto de vacinas consideradas de interesse prioritário à saúde pública do país. Atualmente é constituído por 12 produtos recomendados à população, desde o nascimento até a terceira idade e distribuídos gratuitamente nos postos de vacinação da rede pública.
Saiba mais aqui.

Calendário CDC

Recomendações para Adultos
Recomendações para Crianças

VACINAS PARA O VIAJANTE

São vacinas obrigatórias ou recomendadas para aqueles que vão para regiões e países de todo o mundo. As recomendações por países é dada pela OMS.
Saiba mais aqui.

VACINAS EM SITUAÇÕES ESPECIAIS

O Ministério da Saúde disponibiliza, nos Centros de Referência de Imunobiológicos Especiais – CRIEs, produtos imunobiológicos de moderna tecnologia e alto custo, com intuito de beneficiar uma parcela especial da população brasileira que, por motivos biológicos, são impedidos de usufruir dos benefícios dos produtos que se encontram na rotina disponibilizados na rede pública.
Saiba mais aqui.

CALENDÁRIO NOS ESTADOS UNIDOS

Calendário da Academia Americana de Pediatria.
Saiba mais aqui.

Fonte: SBIM Sociedade Brasileira de Imunização

Indicações:
É uma avaliação endoscópica com fibra ótica flexível das cavidades nasais, faringe e laringe. O exame permite uma observação direta e detalhada da anatomia dessas regiões , para investigação de patologias nasais , faríngeas e laríngeas.

Instruções/Preparo:
Não é necessário jejum, e se o paciente for maior de 18 anos, não necessita de acompanhante. Menores de 18 anos devem comparecer acompanhados de um adulto. Medicações de uso continuo não devem ser interrompidas.

O exame é feito após aplicação de spray nasal com vasoconstritor nasal e anestésico tópico, desde que o paciente não apresente alergias ou contra-indicações a estas medicações.

A duração do exame é de aproximadamente 5 minutos, e logo após o término do mesmo, o paciente já estará liberado para ir embora, podendo dirigir ou usar meios de transporte.

Resultados pela Internet: Tecnologia e Sustentabilidade juntas pela Qualidade de Vida e Preservação Ambiental